Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 1 de agosto de 2017

    Lula pede que relator da reforma política tire emenda que o protegeria

    Proposta sugeria modificar o artigo 236 do Código Eleitoral e aumentar o período para que um candidato não possa ser preso antes da votação, com a exceção de crime em flagrante

    © Lúcio Bernardo Junior/Câmara dos Deputados
    O relator da reforma política, Vicente Cândido (PT-SP), decidiu tirar do texto a proposta que sugeria modificar o artigo 236 do Código Eleitoral e aumentar o período para que um candidato não possa ser preso antes da votação, com a exceção de crime em flagrante.

    A decisão foi tomada após encontro com Lula. Quando do anúncio da emenda, o deputado foi acusado de estar tentando proteger o ex-presidente.

    "Ele me disse 'já que virei dono dela, pode tirar'", relata o parlamentar, que almoçou com Lula há alguns dias.

    Cândido voltou a rebater, segundo informações da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, a ideia de que a iniciativa ajudaria Lula. "Mas como deu essa polêmica, vou retirar", afirma.

    A regra atual proíbe a prisão até 15 dias antes da eleição. O relator quer impedi-la a partir da expedição de um "certificado de habilitação prévia" pela Justiça Eleitoral, que deve ser solicitado em fevereiro por quem pretende disputar a eleição.

    Fonte: NAOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS