Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quarta-feira, 23 de agosto de 2017

    Idoso que sumiu na manhã de hoje é encontrado morto dentro de carro

    Noboru Uemura fazia tratamento para alzheimer e foi encontrado morto dentro do carro de uma vizinha

    Bombeiros foram chamados, mas apenas confirmaram o óbito. (Foto: Mirian Machado)
    Um idoso de 80 anos, que estava desaparecido desde a manhã desta quarta-feira (23), foi encontrado morto dentro de um carro na Rua João Akamine, bairro Santa Fé, em Campo Grande. Noboru Uemura fazia tratamento para Alzheimer e não tinha o hábito de sair de casa sozinho.

    De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o idoso estava sentado no banco do passageiro, usando cinto de segurança e com os vidros do carro fechados. O veículo pertence a assessora parlamentar Lucília de Almeida, de 41 anos.


    Noboru Uemura estava desaparecido desde a
     manhã de hoje. (Foto: Arquivo familiar)
    Ao site Campo Grande News, ela disse que estacionou o carro no local por volta das 7h30 da manhã, em seguida saiu. "Eu estava trabalhando, quando me ligaram dizendo para vir aqui porque havia um homem morto dentro do meu carro. Estou muito assustada, não o conheço", disse.

    O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram chamados ao local. A perícia é aguardada para apurar as causas e circunstâncias da morte. A Polícia Civil irá investigar o caso.

    Tratamento - Em entrevista a reportagem antes de saber sobre a morte do pai, Claúdio Uemura, contou que Noboru saiu de casa por volta das 11h30 de hoje, quando foi visto pela última vez por vizinhos. "Minha irmã chegou em casa e notou que o pai não estava, me ligou e começamos as buscas", contou.

    O filho disse que o pai não tinha costume de sair sozinho, e que havia iniciado tratamento contra o Alzheimer há poucos dias. "Ultimamente ele não estava comendo e andava sonolento devido a medicação, acreditamos que ele tenha parado em algum trecho por causa da fraqueza que os medicamentos tem causado", disse.

    Fonte: campograndenews
    por: Luana Rodrigues e Mirian Machado


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS