Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 22 de agosto de 2017

    Câmara cancela sessão e solenidade em luto pela morte de Pedrossian

    Ex-governador morreu na madrugada desta terça-feira, aos 89 anos. Assinatura de pacote de investimentos foi adiada

    Câmara Municipal de Campo Grande amanheceu de luto nesta terça. (Foto: André Bittar)
    A mesa diretora da Câmara Municipal de Campo Grande decidiu cancelar a sessão ordinária desta terça-feira (22) em razão do luto, decretado por três dias, pela morte do ex-governador de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul Pedro Pedrossian, que morreu nesta madrugada, aos 89 anos.

    Também foi adiada solenidade de assinatura com o governado Reinaldo Azambuja (PSDB) e o prefeito Marquinhos Trad (PSD) que assinariam uma parceria para liberação de recursos para destravar obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). O protocolo de intenções seria assinado às 17 horas de hoje. Não há previsão para quando será remarcado o evento.

    O Governo do Estado dará um aporte de pelo menos aproximadamente R$ 60 milhões para destravar 28 obras a serem executadas em Campo Grande e que estão paradas por falta de contrapartida da prefeitura. Entre as obras, está a recuperação das margens do Rio Anhanduí, uma das mais emblemáticas do município.

    Na sessão desta terça-feira, estava prevista a votação de quatro projetos de lei. Em segunda discussão, as propostas que autorizam o Executivo a implantar equipamentos esportivos e de lazer adaptados para alunos com necessidades especiais nas escolas municipais e implantar repúblicas para idosos de baixa renda, criando o “Programa Conviver” na Capital.

    Já em primeira discussão, seriam analisados os projetos que autoriza o Poder Executivo a disponibilizar online, por intermédio do Centro de Controle de Zoonoses, os cadastros dos animais disponíveis para adoção e outro que declara de utilidade pública municipal a entidade sem fins lucrativos Top Spin Tênis de Mesa.

    História 

    Pedrossian foi governador por três vezes, de 1966 e 1971. Em 1980, foi nomeado para comandar Mato Grosso do Sul, posto que retomou em 1991, quando foi eleito nas urnas.
    Com a vida forjada nos caminhos de ferros da Noroeste do Brasil, o engenheiro civil Pedrossian deveria estrear na política sendo vice de Lúdio Coelho.

    Por meio da assessoria de imprensa, o Governo do Estado informou da morte com pesar e informou que o velório será no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, no Parque dos Poderes, ainda pela manhã.

    Adeus 

    O velório do ex-governador Pedro Pedrossian será no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, no Parque dos Poderes, a partir das 10h. O sepultamento será no cemitério Parque das Primaveras, localizado na avenida Senador Filinto Müler, 2211, Jardim Parati.

    Fonte: campograndenews
    Por: Richelieu de Carlo


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS