Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    sábado, 15 de julho de 2017

    Maia nega adiar análise de denúncia contra Michel Temer

    "Não podemos deixar o governo nessa situação, pendurado", afirmou o presidente da Câmara

    © Reuters / Adriano Machado
    O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, disse neste sábado (15) ao blog da Andréia Sadi, do G1, que não vai adiar a análise da denúncia contra Michel Temer no plenário da Câmara, caso o quórum de 342 deputados não seja atingido no dia 2 de agosto.

    Segundo a reportagem, Maia dará falta para o deputado que se ausentar.

    "A expectativa deste assunto precisa ter fim ainda em agosto. O quórum precisa ser elevado. Se não tiver quórum no dia 2, vou repautar ainda em agosto. Mais para o meio de agosto do que para o fim, até porque ninguém quer esta situação. Não podemos deixar o governo nessa situação, pendurado", disse Maia.

    Fonte: NAOM
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS