Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    sexta-feira, 14 de julho de 2017

    Guarda municipal é preso após espancar ex-mulher, dar tiros e fugir da PM

    Efetuou seis disparos

    © Ilustração
    Um guarda municipal de 47 anos foi preso e levado para a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) após espancar a ex-mulher, de 38 anos, e efetuar disparos dentro da residência dela, na Vila Margarida, em Campo Grande, na madrugada desta sexta-feira (14).

    O casal está separado há sete meses, e nesta madrugada por volta da 1 hora da manhã, o guarda municipal foi até a residência da vítima e a espancou com socos e chutes no rosto causando lesões no nariz e olhos.

    Após as agressões para ameaça-la, ele passou a efetuar disparos dentro da residência. O autor então saiu com seu carro parando em uma rua aos fundos da residência efetuando mais disparos para o alto.

    Uma vizinha que ouviu os tiros acionou a polícia, que ao chegar ao local pediu para que o autor saísse do carro momento em que ele acelerou e fugiu dos militares. Por aproximadamente 15 minutos ele foi perseguido parando o veículo em frente a uma residência.

    Os policiais deram ordem para que ele se entregasse momento em que desarmado saiu da residência e se entregou. Os policiais apreenderam a arma, um revólver calibre 38, com seis disparos feitos. Ele foi autuado por violência doméstica.

    Fonte: Midiamax
    Por: Thatiana Melo
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS