Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quarta-feira, 26 de julho de 2017

    CORRUPÇÃO NOS CONDOMÍNIOS - Instituto lança serviço inédito que identifica fraudes

    “O serviço de Raio-X mostra os possíveis contratos superfaturados e direcionamento para empresas”, explica Dostoiévscki Vieira, Presidente do Instituto Pró-Síndico

    © Divulgação
    No próximo dia 26 de julho (quinta-feira), começa o 2° Congresso de Pró-Síndico de Gestão Condominial, o maior evento do setor da América latina. Serão 3 dias em que 2.500 participantes de todo o país e os melhores especialistas em diversos temas estarão reunidos para discutirem os principais assuntos do segmento de condomínios. Nos últimos anos este mercado se profissionalizou, principalmente com a entrada dos síndicos profissionais, que trouxeram o expertise do mundo empresarial para dentro dos empreendimentos. “Hoje, é raro o morador que quer assumir o papel de síndico, responder civil e criminalmente por tudo o que acontece na sua gestão, apenas em troca da isenção da taxa condominial ou uma vaga de garagem. Estimamos que daqui 3 anos 50% dos prédios serão geridos por profissionais”, explica Dostoiévscki Vieira, Presidente do Instituto Pró-Síndico.

    A profissionalização resolve também um dos principais problemas com os demais moradores, a desconfiança de que o síndico está roubando. “Assim como existem muitos síndicos-morador honestos, existem também muitos desonestos. O síndico profissional vive exclusivamente de sua reputação. Ele é obrigado a ser correto se quiser sobreviver neste mercado. O grande problema é que existem “profissionais” que cobram um valor menor do que o salário de um faxineiro ou o morador que perdeu o emprego e quer se candidatar apenas para ter uma remuneração. Muitas vezes nestes casos ocorre que ele recorrerá a outros subterfúgios para conseguir aumentar a sua renda”, revela.

    Para acabar com a desconfiança dos moradores e excluir do mercado os desonestos o Instituo Pró-Síndico lançará no Congresso o inédito serviço de Raio-X do Condomínio. Profissionais do Instituto realizam um trabalho de inspeção de todos os contratos, notas fiscais e empresas contratadas e identificam irregularidades, como contratos superfaturados ou obras que nem se quer foram realizadas. “O serviço de Raio-X foi elaborado pela crescente demanda de casos suspeitos. Nós mostramos os possíveis contratos superfaturados e direcionamento para empresas que forneciam de volta uma vantagem ilícita”, explica. O Presidente explica ainda que, nem sempre o problema é o síndico. Muitas vezes os funcionários criam uma máfia aonde permitem entrar somente quem é de seu grupo, como o zelador que negocia a compra e venda de apartamento, por exemplo. “Uma laranja podre contamina o resto. Nestes casos é preciso mandar embora e dependendo da situação, acionar a polícia”, finaliza.

    Informações do Evento

    Evento: 2° Congresso Pró Síndico de Gestão Condominial

    Data: 27 (A partir das 17h) , 28 e 29 de julho (quinta, sexta e sábado)

    Horário: 09:00 às 19:00 (sexta e sábado).

    Ingressos: Palestras gratuitas e pagas. Para mais informações da programação: www.prosindico.com.br/congresso

    Endereço: Novo Centro de Convenções Rebouças, Av. Rebouças, 600. Próximo à Estação Clínicas da linha verde do metrô, bairro de Pinheiros.

    Para mais informações: marketing@prosindico.com.br

    Fonte: Gueratto Press
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS