Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    domingo, 23 de julho de 2017

    Corpo achado no Recreio seria de falsa médica do 'golpe do bumbum'

    A mulher aplicava silicone industrial em pacientes. Algumas pacientes, inclusive, chegaram a ter graves problemas de saúde.

    © Reprodução
    O corpo de uma mulher encontrado na manhã desse sábado (22), no Recreio dos Bandeirantes, Zona Oeste do Rio, pode ser de Marcilene Soares Gama, 49 anos. Ela seria a falsa médica do "golpe do bumbum", que chegou a ser presa duas vezes. Ela aplicava silicone industrial em pacientes. Algumas pacientes, inclusive, chegaram a ter graves problemas de saúde.

    A causa da morte, de acordo com informações do Extra, ainda não foi esclarecida pela polícia, que está investigando o caso. A suspeita que ela seja a golpista deve-se ao fato de fotos encontradas na internet em que ela aparece com duas tatuagens na barriga, coincidindo com as do corpo encontrado.
    Marcilene Soares Gama era conhecida também como Lene Soares ou Lenny Gama Foto: Reprodução / Facebook
    "O mesmo nome da mulher que aplicava hidrogel e mutilou várias mulheres. Que coincidência", escreveu uma internauta, no Facebook. Outra afirmou: "Ela é aquela médica que injetava gel nas pessoas". Uma página na rede social, seguida por mais de 80 pessoas, é voltada para reunir vítimas de Lenny Gama - ou Lene Soares, como também era conhecida. Segundo investigações, Marcilene agia desde 2013 no Rio de Janeiro e em São Paulo.

    Fonte: NAOM
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS