Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    sexta-feira, 9 de junho de 2017

    Irmãos da JBS pagaram R$ 25 mi em programa de repatriação de recursos

    Eles pagaram multa de 11% acordada na delação premiada, mas correto seria 15%

    © DR
    Os responsáveis pelo grupo J&F, que controla a JBS, pagaram 25 milhões de reais à Receita Federal correspondentes ao imposto sobre uma quantia em dinheiro que mantinham de forma ilegal no exterior. Os irmãos Joesley e Wesley Batista conseguiram assim legalizá-la. Só em Bahamas, afirma a Folha de S. Paulo, Joesley fechou três empresas no valor de quase 40 milhões de reais. Segundo ele, elas teriam sido criadas para lidar com recursos que seriam repassados a João Vaccari, ex-tesoureiro do PT.

    A lei permite a legalização dos recursos com pagamento de 15% de multa e 15% do valor declarado. Mas no caso dos Batista, o valor da multa foi fixado em apenas 11%, já que houve acordo de delação, que foi acatado pela Justiça. 

    No imposto de renda dos irmãos, as informações são de que os patrimônios de Joesley e Wesley valem 1,35 bilhão de reais e 1,47 bilhão, respectivamente. E cada um declarou dívida de 1,316 bilhão de reais.


    Fonte: NAOM

    Link original: https://www.noticiasaominuto.com.br/politica/399552/irmaos-da-jbs-pagaram-r-25-mi-em-programa-de-repatriacao-de-recursos
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS