Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    20/06/2017

    IEL inicia etapa de qualificação das empresas da 1ª turma do PQF em Campo Grande

    © Divulgação
    O IEL iniciou, na noite desta segunda-feira (19/06), o processo de qualificação das empresas que aderiram ao Programa de Qualificação de Fornecedores (PQF) em Campo Grande, cuja primeira turma foi aberta no dia 1º de junho deste ano. Nesta etapa do Programa, empresários e gestores são capacitados em diversas áreas estratégicas por meio de cursos que abordam conceitos básicos, dificuldades comuns e especificidades da empresa-âncora.

    O primeiro curso, que será oferecido aos empresários ao longo de três dias, foi o de Gestão Financeira, considerada a base para a sustentação dos negócios de qualquer segmento. “Nossa experiência vem da auditoria e, visitando empresas, tanto de médio quanto de pequeno porte, foi constatada uma essa dificuldade do empresário em lidar com o básico da gestão financeira”, explicou o instrutor do curso, Bruno de Barros Solano, especialista MBA em Gestão Tributária e Controladoria com experiência em auditoria externa em empresas de grande porte, projetos de viabilidade econômica e plano de negócios.
    © Divulgação
    Ele acrescentou que as empresas foram crescendo, até chegar em um ponto em que surgem perguntas básicas e que, se não respondidas, tem impedem de crescer, tais como “Para onde está indo meu lucro?” e “Estou, de fato, ganhando dinheiro?”. “A importância da gestão financeira é dar um norte para esse empresário. Com aspectos básico, mas que serão a luz para o empresário enxergar qual caminho seguir”, detalhou.

    As aulas, cuja carga horária total é de 20 horas, consistem na abordagem de conceitos como a formação do preço de vendas e planejamento financeiro, fornecer ao participante competências para que possa realizar uma análise apurada de custos, de capacidade de investimentos e de precificação no âmbito empresarial.

    Empresários

    Sócio-proprietário da MovFlex, Guilherme Falcão afirmou que organizar a área de finanças será o ponto de partida para que a empresa volte a crescer após um período de recessão enfrentado com a crise econômica. “Se a área de finanças, que é o coração da empresa, não anda bem, nada andará. Ajustar essa questão será fundamental para reorganizar as outras áreas e, com esse e os demais treinamentos, eu diria que o PQF caiu como uma luva, era o que precisávamos para superar uma fase difícil na nossa empresa, de forma estruturada e organizada”, avaliou.

    Para a sócia-proprietária da Gráfica Pontual, Maria do Socorro Gaúna, o PQF será uma forma de aumentar a eficiência da empresa. “Com as técnicas de gestão e consultorias teremos condições de nos organizar melhor. Desenvolver o que vem dando certo e reformular o que precisa de ajustes”, considerou.

    O Programa

    Nesta etapa do PQF, as empresas passarão por capacitações nas áreas de gestão Financeira, de Marketing, Organizacional, Saúde e Segurança do Trabalho e Responsabilidade Social, explica o gestor da área de Capacitação Empresarial do IEL, Luis Alberto Pereira. “Após passas por este pacote de consultorias e treinamentos do PQF, as empresas estarão preparadas para corrigir eventuais falhas de gestão e para promover mudanças nos padrões de procedimentos que precisam ser implantadas em diversas áreas, gerando melhorias nas entregas dos produtos e serviços. Trata-se de um avanço no atendimento não somente às empresas âncoras do PQF, mas ao mercado como um todo, tendo, assim, mais competitividade”, disse.

    Após a capacitação na área de finanças, nos dias 26 e 27 de junho será a vez de as empresas que aderiram ao PQF passar pelo curso de Gestão Organizacional, enquanto nos dias 28 e 29 de junho a turma assistirá ao tema Gestão de Marketing. Após esta fase da qualificação, as empresas são monitoradas e geram uma avaliação, que é utilizada como fonte de informação para a certificação no âmbito do PQF.

    Nesta 1ª turma do PQF em Campo Grande, 12 empresas de diversos segmentos serão capacitadas para atender as âncoras Semalo e Sistema Fiems. O programa é dividido em quatro etapas: sensibilização, quando há uma mobilização para adesão de empresas-âncoras, empresas fornecedoras e parceiros; diagnóstico, quando é traçado perfil contendo pontos fortes e fracos das empresas; qualificação, por meio de cursos e consultorias; e certificação, última fase do programa na qual as empresas que obtiverem aprovação ao longo do processo receberão um Certificado de Fornecedor Qualificado, reconhecido pelo IEL, instituições parceiras e pela empresa-âncora.

    Serviço 

    Para saber mais informações sobre o PQF acesse este site.


    Fonte: ASSECOM
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS