Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quinta-feira, 20 de abril de 2017

    Deputado Coronel David pede diálogo entre pais e filhos para evitar o jogo ‘Baleia Azul’

    Em meio ao clima de apreensão, o parlamentar fez um alerta para os cuidados e formas de se prevenir contra este jogo perigoso

    © Divulgação
    O deputado estadual Coronel David (PSC) ocupou a tribuna durante sessão ordinária na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul nesta quinta-feira (20), para debater um assunto que está preocupando as famílias do Brasil e do mundo: o denominado “Jogo da Morte – Baleia Azul”. 

    Em meio ao clima de apreensão, o parlamentar fez um alerta para os cuidados e formas de se prevenir contra este jogo perigoso. “A internet, apesar de trazer muitos benefícios aos seus usuários como acesso a informação e conhecimento, também pode se tornar uma janela de periculosidade às nossas famílias. Por isso, considero extremamente importante provocar o diálogo nas escolas, no trabalho, nesta Casa de Leis, ou onde pudermos agir para que essa situação do jogo ‘Baleia Azul’ seja evitada. Faço aqui um apelo aos pais, mães, todas as famílias de um modo geral para que conversem com seus filhos, observem seu comportamento, fiquem mais atentos ao que eles assistem na internet, com quem conversam, pois estas ações podem se tornar medidas essenciais para evitar que eles corram perigo e fiquem expostos a pessoas que praticam crimes e disseminam o mal pela internet”, frisou o deputado.

    O jogo

    De acordo com a Polícia Federal, o jogo que se espalhou pelo mundo começou na Rússia em 2015 e o nome ‘Baleia Azul’ teria relação com o comportamento suicida de baleias, que em certas circunstâncias forçam o encalhe coletivo em praias. Após diversos suicídios, a polícia russa investigou os fatos e constatou que se tratava de um grupo na internet propondo um desafio com 50 missões, sendo a última delas cometer suicídio.


    Fonte: ASSECOM
    Por: Taciane Peres
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS