Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

    TRÊS LAGOAS| Procon realiza pesquisa de material escolar

    Pesquisa foi feita em seis estabelecimentos comerciais da cidade consultou 52 itens.

    Ilustração

    Todo inicio de ano a preocupação com a compra de material escolar é um grande desafio para os pais de alunos. A fim de facilitar a vida dos consumidores, o Procon/TL (Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de Três Lagoas) realizou do dia 4 à 10 de janeiro desse ano uma pesquisa pra levantar o preço dos principais itens do material escolar.

    O consumidor poderá encontrar grandes diferenças na compra de alguns materiais. Um dicionário de língua portuguesa, por exemplo, que pode ser encontrado por R$ 4,50, chega a custar R$ 50,00 em outra loja, 1111% mais caro.

    Uma caixa de lápis de cor, com 12 unidades, pode custar de R$ 4,90 à R$ 8,90, dependendo da loja.

    A pesquisa feita em seis lojas do ramo, com base nos produtos mais baratos independentes de marca ou qualidade. 

    Proximidade com a população

    O prefeito Ângelo Guerreiro tem proposto uma maior proximidade entre o serviço público e a população. Desta forma, o Procon, a exemplo de outros setores, trabalha uma postura mais participativa entre a sociedade.

    No próximo sábado (14), servidores do Procon estarão na feira-livre oferecendo orientações a população e distribuindo materiais informativos como o CDC (Código de Defesa do Consumidor) de bolso.



    Fonte: ASSECOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS