Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    segunda-feira, 31 de outubro de 2016

    Marquinhos criará duas secretarias e terá vice no primeiro escalão

    Prefeito eleito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD). (Foto: Alcides Neto)

    Duas novas secretarias, nome para o primeiro escalão, revisão do orçamento municipal e das concessões do transporte público foram anunciados pelo prefeito eleito, Marquinhos Trad (PSD), ao chegar na Prefeitura de Campo Grande, nesta segunda-feira (31), onde se reuniu com o atual chefe do Executivo Municipal, Alcides Bernal (PP).

    A primeira agenda dos dois, após a eleição, é para o novo prefeito tomar conhecimento da situação econômica e financeira da cidade, afirmou Trad. “Também vamos delinear alguns nomes da equipe de transição”.

    Sem anunciar para qual secretária vai, o prefeito eleito afirmou que a vice-prefeita, Adriana Lopes (PEN), comporá seu primeiro escalão. Os demais nomes só serão apresentados em dezembro, afirmou, adiantando que os novos secretários terão perfil técnico. “Podem até ser políticos, mas são técnicos, conhecem do assunto”.

    Até o meio-dia de terça-feira (1º), Marquinhos anunciará os nomes de sua equipe de transição. O grupo tem o objetivo de pegar todas as informações atuais da Prefeitura, tais como orçamento, verbas reservadas, licitações em andamento, entre outros.

    A LOA (Lei Orçamentária Anual) para 2017, que é de R$ 3,5 bilhões, também poderá ser revista – atualmente o projeto tramita na Câmara Municipal. O novo prefeito disse que quer modificar alguns itens como a educação. “A população pediu atenção em algumas áreas, como a educação, onde houve redução que pode trazer dificuldade para o ano que vem”, ressaltou.
    Trad foi à Prefeitura conversar com o atual prefeito, Alcides Bernal (PP). (Foto: Alcides Neto)

    Novas secretarias 

    Ele voltou a falar da criação de duas novas secretarias, a de assuntos fundiários e a outra voltada para pessoas com deficiência. Pois, segundo o prefeito eleito, a cidade voltou a ter muitas favelas e invasões. “Então é necessário. E não basta ter apenas piso tátil e rampa, os direitos vão além”.

    Transporte 

    “O problema não é apenas o valor, e, sim, a qualidade do serviço prestado”. Segundo Marquinhos, as concessionárias precisam oferecer “algo melhor”. Sem dar detalhes, disse apenas que vai rever os contratos entre o Município e as empresas.

    Prioridades 

    Entre suas prioridades, estão recuperação das ruas da cidade, médico nos postos de saúde, finalizar as obras dos Ceinfs (Centro de Educação Infantil), entrega de kits escolares no prazo e “levantar a auto-estima dos servidores públicos”.

    Propagada durante a campanha, o congelamento de impostos deve ser pautado. “Não quero aumentar, pois a população já paga muito caro”. O IPTU (Imposto Predial, Territorial e Urbano) deverá sofrer a reposição, que é obrigatória. “Vamos rever os impostos. Muita gente pagando mais do que devia e outros menos do que deveriam”.



    Fonte: campograndenews
    por: Mayara Bueno e Leonardo Rocha
    Link original: http://www.campograndenews.com.br/politica/marquinhos-criara-duas-secretarias-e-tera-vice-no-primeiro-escalao


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS