Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quarta-feira, 26 de outubro de 2016

    ECOTURISMO| Costa Rica é destino para quem busca contato com a natureza

    Dentre as principais atrações estão o rapel, rafting, tirolesa, arvorismo e cachoeiras, entre tantas outras

    Salto Majestoso - Foto: Clevson Menezes

    Costa Rica, no Norte do Estado, é um dos destinos ecoturísticos de Mato Grosso do Sul onde a rica biodiversidade chama a atenção. Para quem procura contato com a Natureza e gosta de esportes radicais, Costa Rica é o destino ideal.

    Com uma grande variedade de atrativos naturais, há possibilidade de fazer diversas atividades e esportes, como caminhadas, passeios a cavalo, observar a fauna e flora, aventurar-se nas trilhas e copas das árvores. Dentre as principais atrações estão o rapel, rafting, tirolesa, arvorismo e cachoeiras, entre tantas outras. Conheça nesta matéria alguns parques naturais do município:

    Parque Natural Municipal Salto do Sucuriú

    Localizada a três quilômetros da cidade, deve fazer parte do roteiro de quem está programando para conhecer Costa Rica. A prática de esportes de aventura como rapel, rafting e tirolesa proporcionam ao turista uma visão da cachoeira Salto Majestoso com 64 metros de altura, pura diversão. A atividade permite ao praticante a emoção de voar por vales contemplando as mais belas paisagens.

    A exploração das trilhas propicia ao visitante um contato direto com a mata virgem, a qual apresenta uma rica biodiversidade. Nas corredeiras do Rio Sucuriú a emoção toma conta dos turistas que praticam o rafting, no qual descem 8 km de corredeiras em um percurso de 2 horas e meia. Outra opção é o arvorismo. São nove estações onde o visitante percorre 171 metros sobre a copa das árvores preso a cabos de aço.

    Parque Nacional das Emas

    Patrimônio Natural da Humanidade (Unesco), possui vegetação predominante de cerrado e vasta diversidade de flora e fauna. É também conhecido como um dos mais ricos ecossistemas da América Latina. A natureza impressiona e reserva inúmeras surpresas, como o raro fenômeno dos cupins luminosos (Bioluminescência dos Cupinzeiros, que acontece entre os meses de outubro e dezembro), denominada “As luzes de chapadões” consiste na irradiação de luzes fosforescentes de cor azul esverdeada produzidas por pequenas larvas que se hospedam nos cupinzeiros. O parque é cortado pelas águas cristalinas do Rio Formoso e Rio Jacuba, proporcionando um visual de rara beleza.

    Parque Estadual das Nascentes do Rio Taquari

    A 64 km do município é um importante corredor ecológico do Cerrado-Pantanal, abrange Costa Rica e Alcinópolis. O Parque foi criado devido à iniciativa da população preocupada com a proteção das nascentes do rio Taquari. Uma de suas grandes riquezas são os Sítios Arqueológicos, além de um cenário de ampla beleza cênica, que se compõe por um conjunto de seis grandes canyons, trabalho de milhões de anos de escavação na borda ocidental do Planalto Central Brasileiro, onde o pôr do sol é algo inesquecível.

    Os sítios arqueológicos remontam a 11 mil anos e registram os Peaberus (antigas rotas), onde se encontram vestígios em cavernas, pinturas rupestres e petróglifos de antigas fases da ocupação humana na região, formando cenários de grande beleza e rica diversidade da fauna e flora, com potencial para prática do turismo contemplativo, ecoturismo, turismo científico, pesquisa e educação ambiental.

    Parque Natural Municipal da Lage 

    Está localizado às margens da rodovia MS-306, a 32 km de Costa Rica. O parque possui um balneário natural composto por diversas piscinas naturais do Ribeirão de Lages, e piscinas com toboáguas, e um pequeno canyon com saltos, grutas sob pedras, trilhas, corredeiras dentro da mata virgem, cuja as belezas poderão ser observadas nos mirantes.

    Capela Senhor do Bom Jesus “Santo Fujão” 

    A tradição religiosa da família do major Taques deu origem a uma das principais lendas de Costa Rica: o “Santo Fujão”. Quando os moradores construíram uma nova capela para abrigar a imagem do Senhor Bom Jesus, foram surpreendidos ao perceber que no dia seguinte a imagem havia “voltado” para a antiga capela. O fato se repetiu inúmeras vezes até que decidiram cortar os pés do Santo para que ele não fugisse mais. A capela está a 26 quilômetros do município de Costa Rica.


    Ecoturismo: Costa Rica, Mato Grosso do Sul

    Fonte: Costa Rica em Foco
    Por: Raquel dos Passos - Assessoria de Comunicação da Fundação de Turismo de MS com informações Prefeitura de Costa Rica
    Link original: http://www.costaricaemfoco.com.br/noticia/17682-ecoturismo--costa-rica-e-destino-para-quem-busca-contato-com-a-natureza.html

    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS