Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    segunda-feira, 24 de outubro de 2016

    CCR MSVia integra equipe campeã de resgate em competição internacional

    Coordenador médico da CCR MSVia, Dr. Stephen Reverdito (último à esquerda) - Divulgação

    “Em uma rotina de trabalho onde a rapidez no atendimento é determinante para salvar vidas, integrar uma equipe que faz isso melhor que qualquer outra no mundo todo é simplesmente indescritível”. Foi assim que o Dr. Stephen Reverdito, coordenador médico do Serviço de Atendimento ao Usuário – SAU da CCR MSVia definiu a sua participação na equipe sul-mato-grossense que sagrou-se campeã na prova de manobra rápida de 10 minutos, no Desafio Mundial de Resgate.

    O evento, realizado em Curitiba entre os dias 19 e 23 de outubro, reuniu equipes de resgate de 18 países que foram avaliadas por uma comissão de juízes internacionais com experiência na área. Na oportunidade, os times participaram de três situações simuladas: manobra complexa de 30 minutos, manobra padrão de 20 minutos e manobra rápida de 10 minutos.

    Segundo o médico da CCR MSVia, a conquista é resultado de muito esforço e dedicação entre os órgãos de resgate de Mato Grosso do Sul, como o Corpo de Bombeiro Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU. “O resultado que obtivemos no Desafio Nacional já era bom, até porque era a primeira vez que competíamos num evento desse porte. Agora, podemos dizer que o Brasil e Mato Grosso do Sul possuem a melhor equipe do mundo em resgate rápido”, comemora Stephen.

    O evento

    O Desafio Mundial de Resgate (WRC) é considerado o maior evento internacional realizado em ambiente simulado. O WRC acontece anualmente e reúne profissionais que atuam em resgate, salvamento e atendimento pré-hospitalar interessados em aperfeiçoar suas técnicas e participar do intercâmbio de experiências com equipes de diversos estados do país e equipes internacionais. O evento objetiva despertar para ações que reduzam os acidentes de trânsito e suas sequelas, fortalecer a discussão do tema junto à comunidade, aperfeiçoar profissionais e promover o intercâmbio de saberes.




    Fonte: ASSECOM

    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS