Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quarta-feira, 21 de setembro de 2016

    Senador Pedro Chaves preside audiência pública na CMA

    Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) - Divulgação

    A Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA) presidida pelo Senador Pedro Chaves (PSC-MS) realizou nesta manhã de quarta-feira (21) uma audiência pública interativa que debateu os impactos negativos do avanço da soja no Pantanal.

    O Senador Pedro Chaves mostrou-se preocupado com o elevado uso de agrotóxicos em lavouras na região e com o assoreamento dos rios, resultando em impactos sobre a fauna e a flora do Pantanal. “Conheço muito bem nossa bacia hidrográfica. Aliás tenho denunciado que muitos rios do meu estado, se não fizermos algo para defende-los poderão morrer em um futuro muito próximo”, disse

    A elaboração de uma legislação capaz de proteger o Pantanal e promover a "conciliação com a produção agropecuária" também foi destacada por Pedro Chaves (PSC-MS), durante a audiência pública.

    “Vamos continuar lutando para que tenhamos uma legislação consistente” afirmou o parlamentar.

    Entre os convidados para o debate estiveram presentes Pastor Everaldo, presidente do PSC nacional, Roberto Klabin, presidente do Instituto Socioambiental da Bacia do Alto Paraguai SOS Pantanal; Ricardo Eboli, diretor de Licenciamento Ambiental do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul; e Luiz Ribas, diretor da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso. Também participaram Ângelo Rabelo, presidente do Instituto Homem Pantaneiro, e Lucas Galvan, diretor da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul.



    Fonte: ASSECOM

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS