Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    domingo, 11 de setembro de 2016

    Depois de confusão, Instituto diz que não houve mudança no local de prova

    Corredores do local de realização do Revalida, onde alguns candidatos foram barrados. (Foto: Direto das Ruas)

    Depois de alguns alunos terem esperado pela prova do Revalida, exame que legitima diplomas de medicina obtidos no exterior, em lugar supostamente errado, o INEP (Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) afirmou em nota que não houve mudança. 

    O instituto, que é o responsável pelo teste, disse que as provas foram realizadas no Complexo Multiuso, Unidade 6, com acesso pelo portão 2, conforme previsto e que os inscritos que chegaram no horário conseguiram entrar sem intercorrência.

    O portão é o mesmo pelo qual passaram os 13 candidatos que foram parar na delegacia para registrar queixa por terem ficado de fora da prova. O grupo alegou ter chegado seis da manhã no local e ter sido informado 15 minutos antes do fechamento dos portões, previsto para as 07h. 

    Segundo o INEP, foi colocado um cartaz informativo no local de acesso à Unidade 6, com um fiscal a postos para orientar os inscritos. A nota diz ainda que uma ronda de carro e moto passou pelos arredores para localizar possíveis perdidos. 

    O Instituto afirma também que algumas pessoas chegaram atrasadas e se justificaram com a diferença de horários uma vez que, como a prova é nacional, o horário marcado era 08h no fuso-horário de Brasília, ou seja, 07h aqui. 

    Após terem sido barrados pelos seguranças, parte dos atrasados passou a bater no portão e a polícia teve que ser chamada para conter a confusão. Não se sabe, entretanto, se trata-se do mesmo grupo que reclamou da mudança de local.




    Fonte: campograndenews
    Por: Chloé Pinheiro
    Link original: http://www.campograndenews.com.br/cidades/capital/depois-de-confusao-instituto-diz-que-nao-houve-mudanca-no-local-de-prova

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS