Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 9 de agosto de 2016

    Justiceiro: desconhecido atira em menores na rua para impedir assalto a casal

    Adolescentes foram levados para a Santa Casa

    Divulgação

    Na noite desta segunda-feira (8) dois adolescentes, de 15 e 17 anos foram feridos a tiros em Campo Grande depois de cometerem dois roubos. Durante o socorro os adolescentes afirmaram para a polícia que teriam sido vítimas de um assalto.

    Segundo informações policiais, por volta das 22h30 desta segunda-feira (8), um casal andava pelo Residencial Maria Aparecida Pedrossian quando foi abordado pelos adolescentes em uma motocicleta, que fingindo estarem armados anunciaram o roubo.

    Os ladrões levaram os celulares da vítima. Em seguida a dupla seguiu para a Avenida Costa e Silva e ao chegar ao local abordou outro casal em um veículo roubando a bolsa e os celulares das vítimas.

    Um rapaz que passava pelo local percebeu a ação dos menores, desceu do carro e atirou contra os adolescentes, que feridos fugiram vindo a pedir ajuda na Rua 9 de Julho. Populares acionaram o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar.

    Aos policiais os menores afirmaram terem sido vítimas de roubo. Mas, na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Piratininga, o casal assaltado na Avenida Costa e Silva estava registrando o boletim de ocorrência e cruzando as características a polícia percebeu serem os adolescentes ‘vítimas’, na realidade os autores dos roubos.

    O casal reconheceu o capacete e a bolsa roubada, que foi encontrada próximo ao local onde os autores foram socorridos. Os menores foram levados para a Santa Casa da Capital para atendimento médico.

    O adolescente, de 17 anos tem passagens pela polícia por furtos, receptação e pichação.



    Fonte: Midiamax
    Por: Thatiana Melo e Arlindo Florentino

    --

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS