Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    sexta-feira, 8 de julho de 2016

    Suspeito de morder e espancar filha de 40 dias é preso na Capital

    Ele também é suspeito de agredir a esposa

    Divulgação

    Policiais na Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) prenderam no início da tarde desta sexta-feira (8) o homem, de 27 anos, suspeito de morder de espancar a filha de 40 dias na última quarta-feira (6) na Capital.

    De acordo com informações da delegada Fernanda Felix, o pedido de prisão preventiva foi concedido na noite de quinta-feira (7) e o homem foi preso no início desta tarde próximo ao Terminal Morenão, localizado na Vila Progresso, região sul da Capital.
    (Foto: Geisy Garnes)

    O homem que já tem várias passagens pela polícia por ameaça, vias de fato, lesão corporal, cárcere privado e receptação está sob custódia na Deam onde será ouvido sobre a acusação de agressão à esposa e será encaminhado para a Depca (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente) por conta da suspeita de agressão ao bebê de 40 dias.

    Segundo o delegado Fábio Sampaio, da Depca, na próxima segunda-feira (11) suspeito,vítima e possíveis testemunhas serão ouvidos na delegacia a respeito das lesões constatadas no bebê. O delegado explica ainda que encaminhará o laudo médico do bebê ao Ministério Público assim que ele ficar pronto.

    O caso está sendo investigado como lesão corporal com agravante por conta da vítima ser criança, mas dependendo do resultado o delegado conta que poderá se convertido para tortura.

    O caso

    Com hematomas na face e marcas de mordidas por todo o corpo, um bebê de apenas 40 dias foi internado na Santa Casa da Capital na madrugada da última quarta-feira (6) após ter sido agredido pelo próprio pai, segundo relato da mãe do recém-nascido. De acordo com a mulher, de 27 anos, as agressões acontecem desde que o bebê tinha 15 dias. Ele teria se incomodado com o choro do bebê.

    Mãe e filha foram levadas para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Vila Almeira e posteriormente encaminhadas para a Santa Casa de Campo Grande. No hospital a menina passou por uma bateria de exames e na tarde de quinta-feira (7) e teve alta médica.



    Fonte: Midiamax
    Por: Gerciane Alves e Geisy Garnes
    Link original: http://www.midiamax.com.br/policia/suspeito-morder-espancar-filha-40-dias-preso-capital-307382

    --

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS