Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quarta-feira, 13 de julho de 2016

    Produção de petróleo do Brasil será a maior fora da Opep

    Geração de riqueza: Com sete plataformas da Petrobras em funcionamento a partir de 2017, País terá a maior expansão da América Latina

    Sete plataformas da Petrobras entram em operação até o fim de 2017 - Imprensa/Agência Petrobras

    O Brasil deve apresentar, em 2017, o maior crescimento na produção de petróleo entre as nações que estão fora da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). Segundo relatório divulgado pela entidade nesta terça-feira (12), serão 3,37 milhões de barris por dia no fim do próximo ano.

    Todo esse avanço deve ser proporcionado por sete novas plataformas da Petrobras que começam a operar no próximo ano, todas elas na bacia de Santos. A avaliação é de que Brasil e Canadá apresentarão os melhores desempenhos fora da Opep.

    O Brasil ainda responderá por metade de toda a expansão da América Latina. Gasolina e óleo diesel estão entre os itens com maior potencial de produção, e a expectativa da Opep é de que esse aumento seja usado para abastecer a indústria e segmentos ligados a transporte.

    O relatório ainda aponta que, em 8 de maio, a produção de petróleo bruto, a partir de campos do pré-sal, ultrapassou 1 milhão de barris de petróleo por dia – essa foi a primeira vez que esse volume foi registrado.

    Produção de petróleo é recorde

    Com isso, a produção média em maio atingiu 930 milhões de barris por dia, um recorde para qualquer mês. O documento avalia também que o Brasil deve entrar em breve em um ciclo de recuperação da economia.

    A entidade ainda avaliou que o governo de Michel Temer tenta acabar com as incertezas que rondam o País. “O novo governo tenta manter o gasto público sob controle, visando à adoção de políticas fiscais severas para limitar a incerteza em torno da crescente dívida pública”, ponderou o documento.




    Fonte: Portal Brasil

    --

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS