Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    sexta-feira, 8 de julho de 2016

    Índios bloqueiam BR-463 no trevo de Laguna e pedem presença da Funai

    Protesto interrompe acesso de Dourados a Ponta Porã; opção de desvio é pelo anel viário e Avenida Guaicurus

    Bloqueio feito por índios na BR-463, em Dourados (Foto: Divulgação/PRF)

    A BR-463, que liga Dourados a Ponta Porã, foi bloqueada por índios por volta de 12h30 na altura do trevo de acesso ao município de Laguna Carapã. De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), os manifestantes pedem a presença de representantes da Funai para negociar a liberação da estrada.

    De acordo com a PRF, com o bloqueio a opção de desvio para quem segue de Dourados para Ponta Porã é pegar a Avenida Guaicurus, que liga a região oeste da cidade ao aeroporto Francisco de Matos Pereira, e depois seguir pelo anel viário até a BR-463.

    Os índios que bloqueiam a rodovia foram despejados anteontem da fazenda Serrana, na região do Curral de Arame, próximo ao local do protesto de hoje. Eles lutam pela demarcação do território Apika'y.

    Há pelo menos 13 anos os índios lutam pela demarcação e já ocuparam e deixaram a área várias vezes. A mais recente ocupação ocorreu em 2013 e terminou quarta-feira desta semana com a reintegração feita pela Polícia Federal.

    A comunidade Apika'y é considerada a mais miserável de Mato Grosso do Sul pelo MPF (Ministério Público Federal). Como o acampamento fica próximo à rodovia, pelo menos oito índios morreram atropelados nos últimos anos, entre adultos e crianças.



    Fonte: campgorandnews
    Por: Helio de Freitas, de Dourados


    --

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS