Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    sexta-feira, 29 de julho de 2016

    CREA/MS| Processo digital é nova realidade para profissionais

    Reprodução

    A partir do dia 1º de agosto, os profissionais registrados no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso do Sul (Crea-MS) se deparam com uma nova realidade: solicitações de serviços e atendimentos que antes eram feitos de forma presencial se tornam procedimentos digitais, com acesso exclusivo por meio do CREA ÁGIL, o novo Portal de Serviços do Crea-MS.

    A inovação tecnológica entrega o que promete: mais economia e agilidade na solicitação de serviços. Por exemplo, a Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), que é um documento indispensável à atividade profissional, terá emissão imediata no CREA ÁGIL. “Hoje, temos o resultado de um intenso e árduo trabalho de toda a equipe do Crea-MS, que se empenhou na busca de um moderno e ágil sistema, que beneficiará nossos profissionais registrados”, defendeu o eng. agr. Dirson Freitag, presidente do Conselho.

    Reprodução

    O CREA ÁGIL traz outras inovações, tais como: emissão da ART pelo celular, acompanhamento em tempo real de solicitações e processos de registro de pessoas física e jurídica, novo Receituário Agronômico, solicitação de visto e registro, emissão de segunda de via de boleto, dentre outros serviços.

    A plataforma foi desenvolvida com interface intuitiva, ou seja, construída com um design que facilita a utilização do sistema pelo usuário. No entanto, para auxiliar nos primeiros acessos ao CREA ÁGIL, o Conselho manterá uma equipe de suporte à disposição, com atendimento presencial na sede ou por telefone.

    Junto do CREA ÁGIL, o Crea-MS lança também o novo site, com moderno layout, que prioriza os canais mais acessados pelos usuários. “O Conselho Regional que reúne os profissionais da área tecnológica não pode ficar atrás na revolução digital que atravessamos, com uma crescente demanda de virtualização dos processos. O CREA ÁGIL e o novo site são resultados de um trabalho incessante na busca de modernidade, rapidez, praticidade e transparência para todos os profissionais”, concluiu Dirson.




    Fonte: ASSECOM
    Por: Michelle Araújo

    --

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS